Páginas


terça-feira, 28 de dezembro de 2021

 Jornal Nacional perde 32% do seu público e registra em 2021 o pior índice de audiência desde 2001

Apesar da queda, ainda é o temor alcançado mais assistido


  • JULIA RENÓ
  • Portal comunique-se

Jornal Nacional’ vive seu pior momento em audiência. A previsão é que o principal telejornal da TV Globo termine o ano com média de 24,4 pontos, segundo informações divulgadas pelo jornalista Ricardo Feltrin, no UOL. São considerados dados do Kantar Ibope Media.

Seguindo a pontuação prevista, até o final do ano, o ‘Jornal Nacional’ terá alcançado cerca de 6,5 milhões de domicílios ou 17.4 milhões de pessoas. Em 2021, cada ponto do Painel Nacional de Televisão (PNT) equivale a 268.278 domicílios e 716.007 indivíduos. Em dados de share, o programa jornalístico deverá registrar média de 37,7%.

Com dados obtidos a partir de 2001, Feltrin destaca que desde o início do século, o ‘JN’ tem perdido um grande volume de telespectadores, especialmente para plataformas de streaming e internet.

Desde o dado mais antigo na lista do colunista do UOL até a previsão para 2021, o programa deixou de ser visto por cerca de 32% do público.

Em 2004, o ‘Jornal Nacional’ viveu seu melhor momento. A audiência registrada chegou a 41,9 pontos e 67,1% de share. Foi a única vez em que a barreira dos 40 pontos foi ultrapassada. Apesar da redução no público que o assiste (desde 2013, o programa está abaixo dos 30 pontos no Ibope), o telejornal segue na liderança com grande diferença com relação aos concorrentes.

Veja a lista completa, com os dados de audiência e share obtidos pela coluna de Ricardo Feltrin:

  • 2001 – 38,5 pontos e 63,3%
  • 2002 – 38,9 e 61,8%
  • 2003 – 38,9 e 62,5%
  • 2004 – 41,9 e 67,1%
  • 2005 – 37,9 e 59,7%
  • 2006 – 37,6 e 58,5%
  • 2007 – 34,9 e 57,5%
  • 2008 – 34,0 e 55,7%
  • 2009 – 33,1 e 54,5%
  • 2010 – 30,7 e 52,3%
  • 2011 – 32,7 e 54,9%
  • 2012 – 30,9 e 53,5%
  • 2013 – 28,4 e 48,7%
  • 2014 – 25,5 e 43,6%
  • 2015 – 24,7 e 39,7%
  • 2016 – 27,7 e 42,1%
  • 2017 – 29,3 e 43,9%
  • 2018 – 29,2 e 44,2%
  • 2019 – 28,0 e 43,1%
  • 2020 – 27,8 e 42,0%
  • 2021* – 24,4 e 37,7%

Veja mais em https://www.uol.com.br/splash/noticias/ooops/2021/12/13/ibope-2021-sera-o-pior-ano-da-historia-do-jornal-nacional.htm?cmpid=copiaecola

Com informações do Maranhão hoje


Nenhum comentário:

Postar um comentário