terça-feira, 7 de julho de 2020

Preservando o direito dos profissionais da saúde, prefeitura de Ribamar faz mediação entre trabalhadores e empresa Unir o direito dos profissionais da saúde, prefeitura e empresa Unir



Prefeitura de São José de Ribamar adotou posição importante na mediação de solução envolvendo trabalhadores  e o Instituto Unir Saúde, que administrava o hospital e a maternidade até maio último. O Município demonstrou interesse em participar das negociações para preservar os direitos trabalhistas dos profissionais.
Aconteceram duas reuniões nos dias 15 e 25 de junho, com a Assessoria Jurídica da Prefeitura e os representantes do Sindicato dos Auxiliares e Técnicos em Enfermagem e Trabalhadores em Estabelecimentos de Saúde do Estado do Maranhão (SINDSAÚDE/MA) e do Sindicato dos Técnicos e Auxiliares em Enfermagem do Estado do Maranhão (SINTAEMA), as entidades sindicais se comprometeram a apresentar proposta de mediação ao Ministério Público do Trabalho.
A intenção da Prefeitura é encontrar soluções viáveis e concretas, com o apoio dos Sindicatos e o auxílio do Ministério Público do Trabalho, para que a Unir não cause prejuízos aos trabalhadores.
Desta forma, de acordo com o prefeito Eudes Sampaio, “essa iniciativa da Prefeitura é a demonstração do compromisso da nossa gestão com os profissionais da saúde e, claro, com o respeito aos direitos desses trabalhadores, na forma da Lei.”

Com 120% de cobertura, São José de Ribamar supera meta com de vacinação contra Influenza



 José de Ribamar segue contabilizando resultados positivos  na área da saúde. Desta vez, o município superou a meta com 120% da população dos grupos prioritários imunizada na Campanha Nacional de vacinação contra a Influenza 2020. Segundo dados oficiais divulgados pelo Ministério da Saúde, foram mais de 43 mil doses aplicadas, quando a meta estabelecida estava abaixo dos 36 mil. Os números colocam o município como o mais bem sucedido na Região Metropolitana.
“A saúde de São José de Ribamar vem se tornando referência para o Maranhão e o Brasil e isso é fruto dos fortes investimentos que nossa gestão vem fazendo, do comprometimento da equipe da SEMUS e dos profissionais da área da saúde que trabalho incansavelmente para gerar resultados positivos como esse. Estou, mais uma vez, muito feliz com os números positivos da saúde de nossa cidade”, comentou o prefeito Eudes Sampaio.
Durante a campanha, a Secretaria Municipal de Saúde (SEMUS) adotou estratégias para alcançar o público alvo em todas as regiões da cidade, levando em consideração o cumprimento das orientações das autoridades em saúde, em decorrência da pandemia do Novo Coronavírus.

Além da disponibilização de vacinas em todas as Unidades Básicas de Saúde, algumas escolas também se somaram aos postos de vacinação. Idosos foram vacinados em casa pela equipe volante da SEMUS e houve a campanha de vacinação itinerante, que ocorreu nas outras regiões da cidade.
Maranhão confirma mais de 70 mil pessoas estão recuperadas por coronavírus
De acordo com informações do Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (SES), divulgado nesta terça-feira (7), foram confirmadas mais 36 mortes por coronavírus, com o total chegado a 2.286.


Os casos confirmados subiram para 92.088, sendo que 18.875 estão ativos. O total de pessoas recuperadas subiu para 70.927. Nas últimas 24 horas, foram mais 1.312 pessoas recuperadas da doença.


Os 36 novos óbitos foram confirmados em 18 cidades. São elas: São Luís (12), Zé Doca (3), Lago da Pedra (3), São José de Ribamar (2), Paço do Lumiar (2), Bacabal (2), Barra do Corda (1), Chapadinha (1), Colinas (1), Grajaú (1), Itapecuru-Mirim (1), Lima Campos (1), Nina Rodrigues (1), Santa Luzia do Paruá (1), Trizidela do Vale (1), Tutóia (1), Viana (1) e Vitorino Freire (1).


Dos novos óbitos, dois foram registrados nas últimas 24 horas. Os demais foram registrados em dias e/ou semana anteriores, e aguardavam resultado de exame laboratorial para Covid-19.
Mais 1.837 casos positivos da doença foram confirmados, sendo 154 nos quatro municípios da Ilha de São Luís, 73 em Imperatriz e 1.610 nas demais regiões.

18.026 pessoas estão em isolamento domiciliar, sendo acompanhadas por equipes do Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (CIEVS). 509 pacientes estão internados em enfermarias e 340 em leitos de UTI.


O total de suspeitos é de 6.776.
Com informações do Gilberto Lima