Páginas


segunda-feira, 22 de novembro de 2021

Veja quem são os mortos de acidente com ônibus na rodovia Oswaldo Cruz

Sete pessoas morreram no acidente, entre elas uma criança de oito anos, filha do motorista do coletivo.


A empresa responsável pelo coletivo envolvido em um acidente na Oswaldo Cruz confirmou a lista de vítimas fatais neste domingo (14).

A princípio, apenas cinco vítimas haviam sido identificadas. Mas, na tarde deste domingo, a sexta vítima foi identificada.

As vítimas são:

  • Felipe Ramiro dos Santos, de 24 anos
  • Marizete Venâncio

Ana Julia Sousa Santos

Ana Julia, de oito anos, filha do motorista — Foto: Arquivo Pessoal

A menina de oito anos era filha do motorista, Edson Sabino. Ela acompanhava o pai no passeio para Paraty quando acidente aconteceu. Ela não resistiu aos ferimentos e morreu na hora.

Adimilson Ferreira dos Santos


Adimilson tinha 41 anos e viajava para Paraty. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local do acidente.

Solange Santana Novaes, a agente de saúde de 47 anos

Solange tinha 47 anos e viajava com o namorado — Foto: Arquivo Pessoal
Solange tinha 47 anos e viajava com o namorado — Foto: Arquivo Pessoal

A agente de saúde de 47 anos fazia a viagem com o namorado quando o ônibus tombou. Ela chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Ela deixa dois filhos.

A empresa informou que se responsabilizará pelo traslado dos corpos das vítimas fatais.

Felipe Ramiro, João Leite, Ana Júlia Santos, Adimilson Ferreira e Marizete Venâncio morreram no local do acidente. Eles tiveram ferimentos graves, não resistiram e morreram na hora.

Ana Júlia, filha do motorista, foi identificada pelo pai, o motorista Edson Sabino. Solange Novaes foi reconhecida pelo namorado. Ela chegou a ser socorrida e encaminhada para a Santa Casa de Ubatuba, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Ela deixa dois filhos.

Ônibus de turismo levava passageiros de São Paulo para o litoral — Foto: Reprodução/TV Vanguarda
Ônibus de turismo levava passageiros de São Paulo para o litoral — Foto: Reprodução/TV Vanguarda

No caso das demais vítimas, a identificação só foi concluída nesta manhã por causa da gravidade dos ferimentos. De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Civil, elas apresentavam lesões graves que dificultavam o reconhecimento e precisariam de exame de DNA para a confirmação.

A empresa responsável pelo coletivo, Viação Arca informou que auxilia a polícia para a identificação da sexta vítima.

Ônibus de turismo que sofreu acidente na rodovia Oswaldo Cruz é retirado

Investigação

De acordo com a Artesp, o ônibus alugado por Edson estavam com a documentação e licenças em dia. O que a polícia investiga é se o acidente aconteceu durante uma tentativa de burlar a fiscalização da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). Para o transporte interestadual, modelo da viagem proposta pelo frete de Edson, seria preciso uma licença do órgão, que ele não tinha.

Além disso, a dinâmica do acidente também é investigada pela polícia. No boletim de ocorrência consta que em depoimentos passageiros contaram que um veículo no sentido contrário teria feito uma ultrapassagem e invadido a pista em que o coletivo seguia. O motorista tentou desviar, mas o ônibus tombou e a lateral atingiu uma mureta de concreto.

Ao g1, um dos passageiros contou que percebeu as manobras e que Edson teria tentado salvar o grupo de um acidente, mas o coletivo desestabilizou e tombou.

O tacógrafo do coletivo foi apreendido pela polícia. Os agentes não divulgaram qual a velocidade do ônibus no momento do acidente, mas informaram que o item vai para a perícia. A Polícia Civil disse ainda que deve ouvir o motorista, mas que não colheu seu depoimento neste sábado (13) porque precisou ser sedado após saber da morte da filha.

Santa Casa de Ubatuba recebe vítimas do acidente com ônibus na rodovia Oswaldo Cruz

Por  G1

Em nota, a empresa informou que acompanha as investigações e está dando suporte às famílias das vítimas e as vítimas que precisaram de atendimento médico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário