quarta-feira, 17 de junho de 2020

184 anos: pela 1ª vez na história a Polícia Militar do MA celebra aniversário por meio de live devido à pandemia


Polícia Militar do Maranhão realizou na tarde de quarta-feira, 17, solenidade alusiva ao aniversário de 184 anos, o evento foi transmitido pelo instagram da PM e marcado pela presença do alto comando da instituição, além do secretário de segurança pública, Jefferson Portela, do comandante do corpo de bombeiros, coronel Célio Roberto e da banda de música da PMMA.



O comandante geral da Polícia Militar do Maranhão, coronel Pedro de Jesus Ribeiro dos Reis, agradeceu ao governador do estado, Flávio Dino e ao secretário de segurança, Jefferson Portela, pelos investimentos no aparelhamento da PM. O comandante agradeceu aos bravos policiais que no exercício da profissão doaram suas vidas, além de todos os policiais militares que em meio à crise sanitária, permanecem garantindo a paz e a ordem social, ao final ele agradeceu a Deus pelo momento histórico que a Polícia Militar vive.
O secretário de segurança pública, Jefferson Portela, agradeceu todo empenho da tropa parabenizando a instituição que está próxima de seus duzentos anos. O secretário agradeceu ao governador do estado, ao comando da PM e todos os policiais militares, homens e mulheres que garantem o direito de ir e vir de cada cidadão maranhense. O secretário falou da força que PMMA tem, e sempre estará ao lado da instituição e fará o que for possível para contribuir com ela em todo estado do Maranhão.
Breve Histórico
A Polícia Militar do Maranhão foi criada através da Lei Provincial nº 21 de 17/06/1836, com o nome de “Corpo de Polícia da Província do Maranhão”; constituída por um Estado-Maior e 04  (quatro) Companhias de Infantaria, totalizando 412 policiais, sendo  o seu efetivo composto por Major (Comandante), Alferes (Ajudante), Sargento (secretário) e Sargento (quartel-mestre).
A instituição ao longo de 115 (cento e quinze) anos recebera várias denominações, tais como, “Corpo de Segurança Pública”, “Corpo de Infantaria”, “Corpo Militar do Estado”, “Batalhão Policial do Estado”, “Força Policial Militar do Estado”, “Brigada Auxiliar do Norte” e “Polícia Militar do Maranhão”, em 1951.
A interiorização começou a partir de 1841, com a Lei nº 110, de 28 de agosto, que criou o “Corpo de Guardas Campestres”; seguida da Lei nº 872, de 05 de abril de 1920, que fixou o efetivo de 250 (duzentos e cinquenta) policiais para o sertão maranhense. Entretanto, a partir de 1966, com a Lei nº 2704, de 12 de outubro, além da criação da Companhia Escola, foram criados ainda, 02 (dois) Batalhões de Polícia (BPM): o 1º BPM  e o 2º BPM, responsáveis respectivamente  pelo policiamento da capital  e do interior do Estado.

A primeira turma de oficiais PM, com Curso de Formação de Oficiais – CFO, formou-se em 1966, na Academia de  Polícia Militar do Estado de Minas Gerais; daí em diante teve formações em outras Academias de diferentes Estados, tais como: Ceará, Bahia, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Paraná, Pará e Goiás. Com a criação da Academia de Polícia Militar do Maranhão, através da Lei 5657, de 1993, passamos a formar oficiais, tendo a primeira turma 29 (vinte e nove) aspirantes a oficial, declarados em 22/12/1995.
Com informações da SSP-MA

Nenhum comentário:

Postar um comentário