Páginas


quinta-feira, 10 de março de 2022

Empresários envolvidos em organização criminosa são presos em João Lisboa durante operação

A ação envolveu 80 policiais civis da capital e do interior, 10 policiais do Ministério Público e 3 promotores de justiça


Dois irmãos foram presos na fazenda da família na última quarta-feira (9), no município de João Lisboa, no interior do Maranhão. Os alvos foram apontados como responsáveis pelos crimes de comércio ilegal de armas de fogo e munições, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

A Operação Dezessete, que faz alusão ao Art. 17, que prevê a comercialização ilegal de armas e munições, envolveu agentes da SEIC, Departamento de Combate ao Crime Organizado e o GAECO, além do 1º Departamento de Combate a Corrupção.

Além da prisão dos irmãos, a operação cumpriu dezessete mandados de busca e apreensão em Imperatriz, um em Governador Edson Lobão, um em Amarante do Maranhão e um no Pará.

Em Imperatriz, as buscas foram realizadas em duas empresas, onde apreenderam cinco caixas com munições de revolver e pistola, além de duzentas munições de fuzil.

Já com os empresários, foi encontrado um fuzil com carregador e munição, uma pistola e três espingardas, além de um veículo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário