Páginas


segunda-feira, 7 de fevereiro de 2022

Policial Militar mata jovem com 10 tiros dentro de delegacia no Ceará

O jovem Mateus Silva Cruz, de 19 anos, foi morto por um policial militar de folga dentro da delegacia de Camocim, no litoral cearense. O episódio ocorreu na madrugada deste domingo (6), por volta de 4h, após a vítima e o suspeito serem conduzidos à unidade em decorrência de uma discussão.

Identificado como George Tarick de Vasconcelos Ferreira, de 33 anos, o PM disparou sua pistola mais de 10 vezes contra Mateus, que morreu na hora. Ele é lotado no Batalhão de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) de Granja. O policial responderá por homicídio qualificado.

Em depoimento à Polícia Civil, o policial disse que matou o jovem "em um momento de fúria, levado por violenta emoção", após ele ter passado pela vítima duas vezes para ir ao banheiro quando a vítima teria "lhe encarado e o desafiado".

Familiares de Mateus Silva Cruz afirmaram que a discussão entre os dois começou em uma festa que ocorria na Praia de Camocim. Segundo os familiares, o rapaz estava algemado e sem chances de defesa quando foi atingido pelos tiros. A nota da secretaria, no entanto, não confirma se a vítima estava algemada.

O PM foi preso, autuado em flagrante por homicídio e teve a arma apreendida. A Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública e Sistema Penitenciário (CGD) disse que determinou a instauração de processo disciplinar para apuração do caso na seara administrativa, estando, atualmente, em trâmite.

Com informações do Gilberto Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário