quinta-feira, 20 de maio de 2021

Maranhão registra primeiro caso de cepa indiana no Brasil: seis tripulantes de navio testaram positivo para nova variante da Covid-19

O resultado do sequenciamento genômico das amostras dos tripulantes do navio MV Shandong Da Zhi, que foram infectados pela covid-19, deu positivo para a variante B.1.617.2, conhecida como a variante indiana.

A informação foi confirmada, na manhã desta quinta-feira (20), pelo secretário de Estado da Saúde do Maranhão (SES), Carlos Lula. Segundo o secretário, dos 15 tripulantes infectados com a Covid, seis deram positivo para a nova cepa.

De acordo com a SES, dos 15 tripulantes do navio que testaram positivo para a covid, 14 estão em isolamento no navio e um segue internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), em um hospital da rede particular de São Luís.

Segundo a Secretaria, esse tripulante, um indiano, de 54 anos, foi o primeiro da embarcação a ser diagnosticado com o vírus. Ele mantém quadro estável e apresenta melhora clínica, segundo boletim médico.

Os 14 infectados e os 9 que não apresentam quadro da doença, seguem isolados em quarentena. A tripulação está toda isolada, e o navio não tem permissão para atracar no Maranhão. A embarcação permanece em alto mar, na área de fundeio, na Baía de São Marcos.

De acordo com a SES, 100 pessoas que tiveram contato com os tripulantes infectados, que foram hospitalizados, devem ser testadas, acompanhadas e isoladas.

Primeiro caso de infecção foi comunicado no sábado (15)

A SES informou, na noite do último sábado (15), que um homem de nacionalidade indiana, de 54 anos, foi internado em um hospital da rede privada em São Luís com sintomas do novo coronavírus (Covid-19). O homem é um dos 24 tripulantes do navio “MV Shandong Da Zhi”, que embarcaram na África do Sul, na Cidade de Cabo.

A embarcação foi fretada pela Vale para transportar minério de ferro. Com o registro de casos de Covid, a embarcação permanece em alto mar, na área de fundeio, e não atracou no Porto do Itaqui, em São Luís.

O tripulante indiano começou a sentir os sintomas da doença em 4 de maio, teve febre e foi encaminhado em um helicóptero para o hospital, por determinação da equipe médica.

Por causa da nacionalidade do primeiro teste positivo, a SES está monitorando a possibilidade de uma nova variante do coronavírus entre os infectados. A Índia é a líder mundial em número diário médio de novas mortes por coronavírus e, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a variante do novo coronavírus identificada no país está sendo classificada como digna de preocupação global, pois ela se dissemina mais facilmente.

.......................

Postagens relacionadas

— Tripulante de navio indiano é internado com covid-19 em São Luís; o navio está fundeado para quarentena

— Covid-19: Mais dois tripulantes de navio fundeado na Baía de São Marcos estão sintomáticos e serão internados em São Luís

— 15 tripulantes de navio ancorado na Baía de São Marcos testam positivo para Covid-19

— Covid-19: Dois tripulantes de navio em quarentena na costa maranhense recebem alta médica; um permanece internado

Por Gilberto Lima 

Nenhum comentário:

Postar um comentário