Páginas


quinta-feira, 18 de março de 2021

 

Porque Julinho demitiu o seu amigo  cabo eleitoral Prado Carioca, seria ele mais um vítima de Julinho ?

População Ribamarense arrependida de ter elegido Julinho e também vítima, já foram demitidos vários apoiadores do prefeito e os não tiveram uma única oportunidade.


Com sua exoneração, não deu tempo nem de sentar na cadeira “fica a pergunta”, porque essa coordenação é da Secretaria de Educação se o município tem a Secretaria de Cultura e Esporte e, porque Prado Carioca foi nomeado e foi exonerado no dia seguinte? 


Agora não é tempo de chorar mais sim de tomar as providências, o prefeito de Ribamar Júlio César de Sousa Matos eleito no último pleito eleitoral vem fazendo uma verdadeira atrocidade com a população Ribamarense, uma de suas demissões  é o seu amigo, cabo eleitoral e patrocínador Carlos Roberto Melo Prado “Prado Carioca”, que foi nomeado no dia 3 de março de 2021 coordenador de Atividades Culturais e Esportivas da Secretaria Municipal de Educação, no dia seguinte 4 de março  de 2021, Dr Julinho não suportou as cobranças da imprensa de Ribamar que trouxeram a tona os erros cometidos no passado, e Prado Carioca foi surpreendido com sua exoneração, não deu tempo nem de sentar na cadeira “fica a pergunta”, porque essa coordenação é da Secretaria de Educação se o município tem a Secretaria de Cultura e Esporte e, porque Prado Carioca foi nomeado e foi exonerado no dia seguinte? O município tá sem comando mais  isso não é surpresa para quem viveu a primeira gestão de Julinho “Bigodin de Hitler”, o município está desgovernado.

Veja o que escreveu o jornalista André Gomes

No período da eleição me encontrei com Prado Carioca e ele me falou de seu entusiasmo em tá apoiando Bigodin de Hitler e falou de seus planos para o esporte ribamarense pensando ele que seria o secretário, mais um engano quem conhece Julinho sabe que ele não cumpre com acordo e muitomenos com a palavra.

Seria triste se não fosse cômico as patacoadas de sucessivos erros da administração de Julinho, ele não só implantou a desordem mais também o sofrimento para a classe de trabalhadores do município com demissões em massa provando sua desumanidade e falta de respeito com os ribamarenses.

A situação da educação é uma outra história.

Com informações do André Gomes/Jornalista 


Nenhum comentário:

Postar um comentário