quarta-feira, 24 de fevereiro de 2021

 

Instituto que gerenciava o hospital e a maternidade de Ribamar já foi demitido também, e quem será o próximo ?


Mas há ainda muita indefinição sobre essa possibilidade. Politicamente há divergência de opinião entre a deputada estadual Helena Duailibe e o filho do prefeito eleito, Júlio Filho...


Sem processo administrativo, sem parecer jurídico ou fundamentação técnica, a Secretaria de Saúde de São José de Ribamar, já comunicou ao Instituto de Apoio ao Desenvolvimento da Vida Humana (IADVH), a suspensão do contrato de administração do hospital e maternidade.

Contratado na gestão anterior, o IADVH foi contemplado, em meados de dezembro do ano passado, com aditivo na vigência do contrato até o mês de março, com vistas a permitir à atual administração prazo necessário para contratação de nova empresa (relembre aqui).

Pela comunicação antecipada e informal ao instituto e pela ocorrência constante de contratação de profissionais diretamente pela prefeitura para atuarem nas duas unidades, nos últimos dois meses, a probabilidade é que a própria gestão, por meio da Secretaria de Saúde, administre o complexo que contempla hospital e maternidade.

Mas há ainda muita indefinição sobre essa possibilidade. Politicamente há divergência de opinião entre a deputada estadual Helena Duailibe e o filho do prefeito eleito, Júlio Filho. Para a deputada, o melhor caminho é a própria prefeitura ter o controle direto e assim contratar os profissionais de São Luís para atuarem Ribamar. Já para Júlio Filho, o melhor é a via da terceirização

Nenhum comentário:

Postar um comentário