quarta-feira, 11 de novembro de 2020


 

A polêmica em torno da Covid-19 de Duarte Júnior

No fim da manhã da quarta-feira (11), o candidato a Prefeitura de São Luís pelo Republicanos, Duarte Júnior, informou que estava suspendendo a agenda de campanha, devido a uma indisposição e com suspeita de Covid-19 (reveja).

O problema é que no início da noite surgiu um exame de Duarte Júnior, feito no dia 05 de novembro, e com resultado positivo para a Covid-19. No exame, o resultado teria saído no dia 06 de novembro. Veja abaixo.

Diante dessa situação, Duarte foi taxado de irresponsável e de ter cometido crime contra a saúde pública, pois poderia estar contaminado desde o dia 05 de novembro e seguiu em campanha eleitoral, sem se preocupar com outras pessoas que poderiam ser infectadas.

O candidato do PROS e médico, Yglesio Moyses, criticou durante Duarte Júnior pela situação.

No entanto, já no fim da noite, Duarte emitiu uma nova Nota, agora confirmando oficialmente que testou positivo, mas afirmou que o exame divulgado era falso.

Duarte divulgou um exame e negou que tenha feito qualquer exame no LACEN. Veja abaixo o exame e a Nota.

Nesta quarta-feira (11), durante uma caminhada me senti indisposto e suspendi imediatamente minhas atividades de campanha. Por recomendação médica, hoje mesmo fiz um teste rápido para Covid-19. Infelizmente, o resultado foi positivo. 

Estou assintomático e me sentindo bem melhor, contudo, por orientação médica, vou me submeter amanhã (12) a novos exames (PCR -RT). Enquanto isso, vou ficar em casa e aguardar os novos resultados.

Informo que nunca estive no LACEN, não coletei exames neste local e para esse laboratório. Portanto, são falsos e inverídicos os laudos que estão sendo divulgados.

Essa é mais uma armação vindo à tona para tentar confundir o eleitor às vésperas de uma eleição tão importante. Lamento por essa política suja que usa tudo para destruir os adversários.

Mesmo sem a minha presença, conto muito com a motivação de cada um. Não cheguei aqui só e tenho certeza de que o nosso propósito de fazer uma São Luís melhor, com serviços públicos de qualidade para todos, vai muito além do meu nome e da minha presença. Vamos levar o 10 às urnas e mostrar para as pessoas que é, sim, possível fazer uma política diferente. 

Lembrem-se: quando os bons se calam, os maus governam! 

Com fé e esperança, chegaremos ao segundo turno e venceremos as eleições, e assim honrar nosso compromisso de levar resultados também para a Prefeitura de São Luís.

Diante desse impasse, troca de acusações e de um exame, que pode ou não ser falso, seria importante um posicionamento oficial tanto por parte do LACEN, como principalmente da Secretaria de Estado da Saúde, afinal não é uma questão apenas de política partidária e/ou eleição, mas sim de saúde pública.

Fonte Jorge Aragão 

Nenhum comentário:

Postar um comentário