segunda-feira, 30 de março de 2020

Mulher é morta a tiros e marido fica ferido na BR-010 em Imperatriz


A mulher identificada como Regilda Pinheiro de Andrade, de 37 anos, foi assassinada a tiros nesse domingo (29), por volta das 10h da manhã, na BR-010, em Imperatriz. Ela e o marido estavam em uma motocicleta, que foi seguida pelos assassinos, que ocupavam outra moto.

O marido, que conduzia a moto, foi alvejado na perna esquerda. Ele foi socorrido e levado para o Hospital Municipal de Açailândia. 

Regilda Andrade, natural do Piauí, não resistiu e  morreu no local.

Em depoimento à polícia ele disse que trafegava pela rodovia BR-010, indo de Imperatriz para Açailândia, com sua companheira, quando notou a presença de dois indivíduos em uma moto logo atrás dele.

Após perceber a presença dos assassinos, ele reduziu a velocidade, achando que a moto ia passar. Nesse momento, foi alvejado a tiros, e tentou fugir, mas ele e a mulher foram atingidos com vários disparos. 

Na tentativa de fuga, a moto em que estava o casal colidiu com um Fiat/Siena cinza, provocando um acidente. 

Após a ação criminosa, os assassinos fugiram e ainda não foram localizados pela polícia. O crime tem características de acerto de contas o encomenda e o alvo principal seria o esposo da vítima.

A polícia não confirma, mas o homem já teria sido preso algumas vezes, uma deles por envolvimento em um assalto ao caminhão dos Correios.  Há poucos dias, a residência do casal foi alvo de um ataque, com o portão sendo crivado de balas.



Ainda no domingo, a família de Regilda Andrade lançou uma campanha de arrecadação de recursos para conseguir fazer o traslado do corpo para a cidade de Assunção, no Piauí, onde ocorrerá o sepultamento. A previsão era que o corpo estivesse pronto pra o traslado na madrugada desta segunda-feira (30), por volta de 1h.
Fonte Gilberto Lima 

Nenhum comentário:

Postar um comentário