terça-feira, 31 de março de 2020

Líder indígena Zezico Guajajara é morto em Arame

O secretário de Direitos Humanos do Maranhão, Francisco Gonçalves, confirmo, no início da tarde desta terça-feira (31), a morte da liderança indígena Zezico Rodrigues Guajajaras, próximo à aldeia Zutiua, no município de Arame.
Em nota, a Secretaria de Direitos Humanos afirma que já acionou a Secretaria de Segurança Pública (SSP) que acompanha o caso.
“A liderança indigena da Terra Indígena Araribóia e diretor do Centro de Educação Escolar Indigena Azuru, Zezico Rodrigues Guajajara, foi encontrado morto a tiros, na estrada da Matinha, próximo à aldeia Zutiua, no município de Arame. A Secretária de Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop) já acionou, através da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP), a Força Tarefa de Proteção a Vida Indigena, a FT-Vida. Novas informações serão divulgadas no durante o dia”, diz a nota da Sedihpop.
O secretrário Francisco Gonçalves disse que o crime pode estar ligado há duas hipótese. Uma delas é de que a liderança teria sido vítima de madeirieiros, pois ele vinha sendo ameaçado por madereiros e vinha evitando andar pela regiào.
A outra hipótese é de que a área vive em conflitos internos e isso, na opinião de Francisco Gonçalves pode provocar novas mortes.
O secretário Jefferson Portela disse em entrevista à Rádio Mirante AM que equipes da SSP já estão no local para os levantamentos do crime de execução da liderança indígena.
Foto: Divulgação/CIMI

Nenhum comentário:

Postar um comentário