quarta-feira, 5 de fevereiro de 2020

SAÚDE

Prefeito Edivaldo Holanda entrega a partir deste mês pacote de obras na área da saúde executadas por meio do São Luís em Obras

Entre as obras que serão entregues estão unidades de saúde em áreas como Vila Sarney, Quebra Pote, São Francisco, Cidade… [  ]

Entre as obras que serão entregues estão unidades de saúde em áreas como Vila Sarney, Quebra Pote, São Francisco, Cidade Olímpica, Bacanga e Santa Clara

Unidades de saúde completamente reformadas serão entregues pelo prefeito Edivaldo Holanda Junior nos meses de fevereiro e março. Com a requalificação dos espaços, a gestão municipal segue com os investimentos realizados na área da saúde com o objetivo de ampliar a oferta e a qualidade dos serviços públicos oferecidos pela rede municipal. Entre as unidades a serem entregues, estão os centros de saúde de áreas como Vila Sarney, Quebra Pote, São Francisco, Cidade Olímpica, Bacanga e Santa Clara. Recentemente o prefeito entregou, totalmente reformado, o Centro de Saúde Genésio Ramos Filho, na Cohab-Anil. As reformas nas unidades de saúde fazem parte das ações do programa São Luís em Obras e ampliam o trabalho já realizado ela Prefeitura para melhoria do atendimento à população.
“Desde o início da gestão, tratamos a saúde como prioridade e buscamos a reestruturação de diversos serviços considerados essenciais para a população, especialmente àqueles que necessitam do Sistema Público de Saúde. As transformações são perceptíveis quando observamos a ampliação dos serviços, a humanização do atendimento e a melhoria da estrutura das unidades de saúde. A agenda de entregas que a gestão municipal tem a cumprir é reflexo do compromisso que firmamos com a população e resultado da macropolítica de reestruturação da rede de saúde que implantamos”, ressalta o prefeito Edivaldo.
Entre os avanços na área ao longo da gestão estão a reativação do Hospital da Mulher, hoje referência no estado, além da reestruturação do atendimento no Hospital Municipal Djalma Marques (Socorrão I) e Dr. Odorico Amaral de Matos (unidade infantil), com a gradativa melhoria fluxo.A reestruturação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192) com renovação e ampliação da frota também faz parte da nova cara do sistema de saúde municipal. Todas as ambulâncias com mais de dois anos de uso estão sendo substituídas assim como as motocicletas usadas no atendimento, algumas com 10 anos de uso.
Por meio de investimentos em equipamentos e qualificação de pessoal da Central de Marcação de Consultas e Exames (Cemarc), que resultou no fim das filas para a marcação de consultas e exames com a descentralização do serviço para 24 unidades da rede, houve aumento no número de marcação de consultas.
O reforço nas ações de combate às arboviroses, bem como na prevenção de doenças sexualmente transmissíveis, a informatização de todas as salas de vacinação da rede entre outras ações na área da atenção básica também fazem parte dos resultados da reestruturação da rede de saúde municipal.
UNIDADES REFORMADAS 
São mais de 20 unidades de saúde que recebem obras. Todas as unidades a serem entregues passaram por obras em toda a parte elétrica, hidráulica, revisão do telhado, pintura entre outras melhorias. A reforma dos centros possibilitará a melhoria do atendimento e o fortalecimento do trabalho desenvolvido na área da atenção básica, que promove ações de proteção da saúde, prevenção de doenças, diagnóstico, tratamento, reabilitação e manutenção da saúde. Em algumas das unidades, a ampliação da estrutura permitirá a execução de novos serviços.
O secretário municipal de Saúde, Lula Fylho, destaca que o trabalho na área tem impactado positivamente a vida da população e ressalta os avanços alcançados pela gestão do prefeito Edivaldo. “As entregas que realizaremos é resultado do comprometimento do prefeito Edivaldo com a saúde pública. Com as reformas nas unidade de saúde, além de mudanças estruturais relevantes, iremos proporcionar um ganho extraordinário na capacidade de atendimento de cada uma dessas unidades”, reforça Lula Fylho.
MELHORIAS
Pela primeira vez a unidade da Vila Sarney passa por uma reforma desse porte. Com a requalificação completa, o local, que já contava com duas equipes de Saúde da Família, terá também equipe de saúde bucal, passando a oferecer serviços na área de Odontologia. O centro possui capacidade para acompanhar até 8 mil pessoas.
Com a obra, todo o layout foi reestruturado, com novos ambientes e adequações às recomendações da Vigilância Sanitária. Um outro diferencial é que a unidade estará totalmente informatizada e passará a atender a população com o Prontuário Eletrônico do Cidadão, proporcionando melhorias à população e aos profissionais.
A unidade do Quebra Pote, fundada em 1992, conta com duas equipes de Saúde da Família, serviço de Odontologia e equipe de multiprofissionais que atuam por escala. No local, a estrutura elétrica antiga dificultava os atendimentos. A completa reestruturação elétrica vai possibilitar melhor funcionamento do espaço, que tem capacidade técnica para acompanhar oito mil pessoas.
No São Francisco, a unidade também apresentava vários problemas estruturais. O local foi totalmente reformado, com melhora na ambiência e no fluxo interno, além da criação de novos espaços. Uma das novidades possibilitadas pela reforma é que o espaço será uma unidade do Programa Saúde na Hora, caracterizada pelo funcionamento com horário estendido para proporcionar mais acesso à população, aberta de segunda à sexta das 8h às 18h, e aos sábados das 7h às 12h.
Outra unidade que funcionará com horário estendido é a da Cidade Olímpica 1. O local tem capacidade para acompanhar até 12 mil pessoas e conta com três equipes de saúde da família e equipe multiprofissional por escala e dispõe de serviço de saúde bucal. A unidade foi completamente reformada, com melhora da ambiência e estará totalmente informatizada, passando a atender a população com o Prontuário Eletrônico do Cidadão.
Outra unidade que passará a atender a população com o Prontuário Eletrônico do Cidadão é a da Santa Clara. O local conta com duas equipes de saúde da família, com capacidade para cadastrar e acompanhar, também, até oito mil pessoas. Com a reforma, foi possível contemplar os ambientes necessários para o funcionamento conforme as exigências da Vigilância Sanitária,  o que antes não era possível por conta da estrutura da unidade.
Também totalmente reformada, com melhora da ambiência e novo layout, a unidade do Itaqui-Bacanga passará a contar com mais uma equipe, além das duas que já tinha, do Programa Saúde da Família, que prioriza as ações de prevenção, promoção e recuperação da saúde das pessoas, de forma integral e contínua. A unidade também fará parte do Programa Saúde na Hora e atenderá a população em horário estendido.
Outras unidades da rede também vão passar por ampliação da estrutura física ou de serviços. Além de reformar os equipamentos de saúde, a gestão do prefeito Edivaldo implantou equipes volantes para fazer a manutenção de outras unidades, promovendo os reparos necessários.
OUVIDORIA
Completando as melhorias, a Prefeitura de São Luís promoveu mudanças também na Ouvidoria da Secretaria Municipal de Saúde. O setor, que funcionava em prédio antigo do Centro, mudou-se para a Casa do Trabalhador, para espaço que foi cedido pelo Governo do Estado e reformado para abrigar a equipe em melhores condições. A partir da mudança, a ideia é fortalecer o papel da ouvidoria, espaço utilizado para estreitar o diálogo com a população, recebendo reclamações, sugestões, críticas e elogios.
“Estamos em melhores condições de trabalho. Isso motiva os servidores e fortalece o papel da ouvidoria. Com uma melhor estrutura, vamos retomar iniciativas como as ouvidorias itinerantes e, além do atendimento presencial, iremos disponibilizar uma linha telefônica para contato também através do WhatsApp”, destaca o coordenador da Ouvidoria da Semus, Guilherme Fernandes Silva.

Nenhum comentário:

Postar um comentário