window.dataLayer = window.dataLayer || []; function gtag(){dataLayer.push(arguments);} gtag('js', new Date()); gtag('config', 'G-SS4D0CGZVY'); Pastor Moises Martins

Páginas


quinta-feira, 4 de julho de 2024

Pastor da Assembleia de Deus é flagrado com “irmã” em motel e renuncia ao cargo

A traição de Manoel, que é casado há mais de 30 anos, foi revelada no início de junho, quando fiéis começaram a expor o caso nas redes sociais

Após ser exposto por fiéis nas redes sociais, um pastor identificado como Manoel Pereira Xavier, de 51 anos, anunciou que deixará o pastorado e o cargo de coordenador na Assembleia de Deus (Adeb) de Ceilândia, no Distrito Federal. Ele foi acusado de trair a esposa com uma “irmã” da igreja. Fiéis, indignados, começaram a divulgar a traição.

COMO TUDO ACONTECEU?

Em uma mensagem enviada por Manoel em um grupo de WhatsApp com fiéis, ele explicou que sua saída foi uma orientação de seu irmão, o presidente da Adeb, Orcival Pereira Xavier. “Em concordância com a orientação do pastor Orcival, estarei saindo do pastorado da igreja de Ceilândia Sul e também da direção do setor II”, escreveu Manoel.

Manoel e Orcival são irmãos do ex-deputado distrital Carlos Pereira Xavier, que está preso acusado de encomendar a morte de um adolescente de 16 anos por suspeita de traição.


Nenhum comentário:

Postar um comentário