Páginas


segunda-feira, 28 de março de 2022

Ministro da Educação pede exoneração e Bolsonaro deve demitir presidente da Petrobras

Em virtude das denúncias de uso indevido de verbas do Ministério da Educação em benefício de prefeituras comandadas por aliados de pastores evangélicos, denunciado primeiramente pelo prefeito Gilberto Braga, da cidade de Luis Domingues, no Maranhão, o ministro Milton Ribeiro pediu exoneração do cargo, o que foi aceito pelo presidente Bolsonaro, conforme edição extraordinário do Diário Oficial da União.

Na carta em que pede demissão, Ribeiro afirma que prefere sair para que não paire nenhuma dúvida sobre sua conduta. Em gravação, ele diz a pastores que o presidente da República lhe pediu para atender os pleitos de verbas que fossem encaminhados por intermédio deles. Há prefeitos denunciando que os dois pastores pediam dinheiro, ouro e compra de bíblias em troca da interferência política no Ministério. Veja aquiaqui e aqui

O secretário-executivo do MEC, Victor Godoy Veiga, deverá assumir a vaga de ministro, já que Milton Ribeiro, garantindo que é inocente, diz que pretende retornar ao cargo.

Novo comando na Petrobrás?

O site da CNN afirma que o presidente Bolsonaro já decidiu trocar o presidente da Petrobras, general Joaquim Silva e Luna, já que a empresa tem sido muito criticada pelo elevado preço dos combustíveis. Está previsto que o anúncio seja feito ainda nesta segunda-feira. Bolsonaro está preocupado com a rejeição à sua reeleição por causa do impacto do preço dos combustíveis no custo de vida e a influência do custo do transporte em todas as mercadorias.

Já se especula que o economista Adriano Pires, sugerido pelo conselho de acionistas da Petrobras, deve ser nomeado novo presidente. A troca oficial de comando, entretanto, só deve acontecer na assembleia de acionistas, em 13 de abril.

Texto atualizado às 20:40h

Ministério de Minas e Energia confirma troca de comando na Petrobras e nome de Adriano Pires para substituir Silva e Luna.

Nenhum comentário:

Postar um comentário