Páginas


sábado, 8 de janeiro de 2022

Tragédia novas informações 

Bombeiros confirmam sete mortes em desabamento de cânion em MG

Pelo menos outras 32 pessoas ficaram feridas e o Corpo de Bombeiros ainda buscam por 20 pessoas desaparecidas

Novas informações atualizadas as buscas da Marinha do Brasil foram suspensas hoje e retornarão amanhã.

Sete pessoas morreram depois de uma imensa rocha do cânion de Capitólio, em Minas Gerais, desabou sobre barcos de turistas na manhã de hoje (8). Segundo o Corpo de Bombeiros, pelo menos outras 32 pessoas ficaram feridas. Eles ainda investigam, junto com testemunhas, familiares e agências de turismo, o paradeiro de 20 pessoas que ainda estão desaparecidas.

Entre os feridos nove foram encaminhados para hospitais de Piumhi, Passos e São José da Barra, alguns deles com fratura exposta. De acordo com os bombeiros, pelo menos três barcos foram atingidos, dos quais dois afundaram.

Ainda segundo os bombeiros, a princípio, uma "tromba d'água” junto a pedras fez com que elas deslizassem e caíssem de uma altura de mais de 5 metros, atingindo as lanchas.


A Marinha auxilia o Corpo de Bombeiros com equipes de Busca e Salvamento (SAR). Um inquérito será instaurado para apurar o incidente.

Os Peritos Criminais da Polícia Civil (PCMG) estão no local do desabamento para identificar os danos e as causas do acidente. O Médico-Legista de Passos irá iniciar a necropsia das vítimas fatais.





 


Nenhum comentário:

Postar um comentário