Páginas


quarta-feira, 26 de janeiro de 2022

Mais um pastor evangélico tirou a própria vida recorrendo ao suicídio 

O pastor famoso saxofonista André Paganelli tirou a própria vida na última quarta-feira, 19 de janeiro, após uma intensa luta contra a depressão.

O pastor e saxofonista André Paganelli tirou a própria vida na última quarta-feira, 19 de janeiro, após uma intensa luta contra a depressão.

André Paganelli vinha lutando contra uma depressão severa nos últimos anos. No começo desta semana, ele usou as redes sociais para comemorar o fato de ter sido aceito como membro da Associação da Comunidade Unida de Capelães dos Estados Unidos, o que possibilitou seu ingresso no Departamento de Polícia de Los Angeles como oficial primeiro-tenente.

Postagem relacionada:

— Um jovem evangélico membro da Assembleia de Deus recorreu ao suicídio em São José de Ribamar, vítima da depressão

Filho de Pastora da Assembleia de Deus Corpo de Elias Rubem Filho da Pastora Fátima é encontrado nesta quarta-feira no rio Anil, em São Luís

Crime Brutal Um travesti identificado apenas como Paulinha foi violentamente agredido até a morte.


Bacharel em teologia pelo Seminário Bíblico Palavra da Vida, de Atibaia (SP), Paganelli foi ordenado pastor pela Convenção Batista Brasileira e iniciou um mestrado em teologia com ênfase em escatologia pela Cohen University & Theological Seminary, de Los Angeles, Califórnia.


Como saxofonista, foi reconhecido como um dos mais talentosos instrumentistas brasileiros, sendo indicado a prêmios como o Troféu Talento, que venceu em 2009, e o Grammy Latino, do qual também foi membro votante, assim como da Ordem dos Músicos do Brasil e da Associação Brasileira de Regentes Arranjadores e Músicos.

Em 2009, publicou o livro O Perfil do Adorador, que foi prefaciado pelo pastor Adhemar de Campos, um dos expoentes da música gospel nos últimos 40 anos.

De acordo com informações do portal Guia-me, o cunhado de André, pastor Magno Paganelli, lamentou sua morte: “Acabei de comentar com a minha esposa que ficam as boas lembranças, e são muitas! Sujeito alegre, esperançoso — acreditava mesmo em dias melhores — empreendedor e talentosíssimo, ímpar em sua especialidade”.

“Tive o privilégio de trabalhar em vários projetos com ele, desde os primeiros CDs, os livros, o primeiro grande show na casa de espetáculos Olympia, o início da empresa que criou. Ficam as boas lembranças que, como disse, são muitas. E um sobrinho que me deu, o Brian. Descanse em paz, maninho”, finalizou.

Postagem relacionada:

— Um jovem evangélico membro da Assembleia de Deus recorreu ao suicídio em São José de Ribamar, vítima da depressão

Mulher é morta a facadas ao tentar separar briga de casal em bar no Coroado, em São Luís

Jovem morre após sair de casa para receber pensão alimentícia de ex-companheiro na Vila Luizão em São Luís

3 Suicídios no Maranhão Nesta terça-feira três suicídios são registrados na Região Metropolitana de São Luís e nas cidade de Cururupu e São Mateus

Grave acidente na tarde desta sexta-feira Motociclista morre carbonizado após colisão com caminhonete de ex-prefeito de Viana; mulher fica...


Nenhum comentário:

Postar um comentário