Páginas


sábado, 23 de outubro de 2021

Sem acordo, rodoviários continuam em greve por tempo indeterminado; nova audiência de conciliação ocorrerá neste sábado



A greve dos rodoviários em São Luís vai continuar por tempo indeterminado. Depois de mais de três horas, a reunião realizada nesta sexta-feira (22) terminou sem resultado.

Foram mais de três horas de negociações, mas não houve acordo entre as partes. Uma nova audiência de mediação foi marcada para este sábado (23), às 10h, na sede do Ministério Público do Trabalho no Maranhão (MPT-MA), em São Luís.

Na reunião desta sexta (22), o Sindicato dos Rodoviários apresentou nova proposta, que será analisada pelo SET em assembleia geral. Ficou acertado que os empresários darão uma resposta aos rodoviários na audiência de sábado.

Os rodoviários cruzaram os braços por causa de atrasos nos salários e tíquete alimentação. Eles reivindicam reajuste salarial de 13%, jornada de trabalho de seis horas, tíquete-alimentação no valor de R$ 800, manutenção do plano de saúde e a inclusão de um dependente, além de concessão do auxílio-creche para trabalhadores com filhos pequenos.

Nota do Sindicato dos Rodoviários

O Sindicato dos Rodoviários do Maranhão informa, que foi convocado para uma audiência de conciliação, neste sábado (23), às 10 horas, no Tribunal Regional do Trabalho do Maranhão.

O Presidente, Marcelo Brito, e os diretores da entidade, estarão presentes nesta audiência. O objetivo do Sindicato dos Rodoviários é chegar a um entendimento com os empresários, para que todas as reivindicações dos trabalhadores sejam atendidas.

O Sindicato dos Rodoviários do Maranhão reafirma, que segue aberto ao diálogo, para que este impasse seja solucionado.

Ascom Sind. Rodoviários – MA

Nota do Ministério Público do Trabalho

Haverá na manhã deste sábado (23), às 10h, uma audiência de conciliação entre os sindicatos dos rodoviários e das empresas de transporte, convocada pelo Tribunal Regional do Trabalho da 16ª Região (TRT-16).  

A audiência ocorrerá dentro de uma ação cautelar com tutela de urgência movida pelo município de São Luís em face dos dois sindicatos.

O encontro será intermediado pelo presidente do TRT-16, desembargador do Trabalho José Evandro de Souza, na sede do Tribunal, na Areinha.

Como fiscal da lei, o Ministério Público do Trabalho no Maranhão (MPT-MA) será representado na audiência pelo procurador do Trabalho Maurel Mamede Selares, que pretenderá apresentar sugestões e participar de forma ativa para que as partes possam celebrar um acordo.

Vale ressaltar que a audiência do TRT não inviabiliza a mediação coletiva extrajudicial agendada pelo procurador do Trabalho Marcos Rosa para este sábado (23), às 18h, na sede do MPT-MA, em São Luís.

No entanto, caso seja homologado acordo no Tribunal, a mediação no MPT perderá objeto, e não será mais necessária. Portanto, tudo dependerá do resultado das negociações desta manhã.

Ascom MPT-MA

Nenhum comentário:

Postar um comentário