sábado, 6 de fevereiro de 2021

 

Pacientes oncológicos são vacinados contra Covid em São Luís do Maranhão  

Pacientes oncológicos começaram a ser vacinados contra a Covid-19, neste sábado (6), em São Luís, iniciando mais uma etapa do Plano Municipal de Imunização. A vacinação está ocorrendo nas próprias unidades onde os pacientes fazem seus tratamentos. Já estão sendo atendidos os pacientes do Hospital do Câncer Aldenora Bello e do Hospital Geral Tarquínio Lopes Filho, totalizando 200 pacientes deste grupo.

“Ampliamos o grupo de pessoas imunizadas, começando hoje a vacinação dos pacientes oncológicos. Atendemos, neste sábado, 100 pacientes do Hospital do Câncer Aldenora Bello pela manhã, e à tarde, mais 100 pacientes do Hospital Geral Tarquínio Lopes Filho, que é da rede estadual. Ao lado disso, iniciamos na sexta-feira a vacinação dos pacientes acamados acima de 100 anos. Estamos aguardando a chegada de novas doses de vacina para que a gente possa avançar na vacinação em São Luís, a partir da próxima segunda-feira”, informou o prefeito Eduardo Braide, que acompanhou a aplicação das doses.

Com o início da vacinação, Rosimar Torres de Oliveira teve um dia muito especial. É que ela fez 57 anos neste sábado (6) e um dos presentes foi a primeira dose da vacina. “Eu estou muito feliz e esperançosa agora com essa vacina. É uma segurança a mais para a gente que já está doente e fazendo um tratamento tão difícil. Mas tenho fé em Deus que com essa vacina vamos vencer essa pandemia e eu vou vencer a doença”, comemorou.

À tarde, é a vez dos pacientes oncológicos que fazem tratamento no Hospital Geral Tarquínio Lopes Filho receberem a primeira dose da vacina Oxford/AstraZeneca. Nas demais unidades de saúde da capital onde pacientes oncológicos fazem tratamento, a vacinação começará à medida que novas doses de vacina sejam disponibilizadas.

Novas doses – Um novo lote de 72 mil doses de vacina foi enviado pelo Governo Federal ao Governo do Estado, que fará a distribuição entre os municípios, incluindo São Luís. Enquanto não recebe as novas doses, a Prefeitura já conta com logística para que a aplicação ocorra de forma rápida e segura aos públicos definidos como prioritários pelo Ministério da Saúde, conforme o Plano Nacional de Imunização.

O atendimento na capital maranhense está ocorrendo de forma descentralizada para evitar aglomerações. Foi montado o Centro Municipal de Vacinação no Multicenter Sebrae, no bairro Cohafuma; e, além disso, foi disponibilizado o sistema drive-thru montado na Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Os idosos acamados estão sendo vacinados em casa pelas equipes da Secretaria Municipal de Saúde (Semus).

Idosos em situação de vulnerabilidade social sem condições para fazer o agendamento da vacinação pela internet também estão sendo atendidos nas suas localidades por meio de um trabalho conjunto da Semus e da Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas). São Luís é a primeira capital do país a usar a base do CadÚnico para localizar idosos, para efetuar a vacinação da Covid-19.

Fotos: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário