quinta-feira, 26 de novembro de 2020

Braide mostra ser o mais preparado para ser prefeito de SLZ em debate na Band

Mostrando domínio e conhecimento da realidade de São Luís, apresentando propostas para melhorar a vida do cidadão ludovicense e defendendo-se de ataques e fake news, o candidato a prefeito de São Luís, Eduardo Braide (Podemos), confirmou que está pronto, preparado para governar a capital, em debate realizado pela TV Band Maranhão, nesta quarta-feira (25).

“Esse é um momento muito importante. Daqui a quatro dias, você vai sair da sua casa para definir, com o seu voto, quem vai cuidar de mais de um milhão de pessoas que moram em São Luís pelos próximos quatro anos”, declarou.

Braide falou direto ao funcionalismo público que, segundo relatos em redes sociais e na imprensa, vem sendo alvo de ameaças.

“Uma mensagem ao servidor estadual, que há sete anos não tem reajuste: falta, só quatro dias. Daqui a quatro dias você vai poder dizer que a esperança venceu o medo em São Luís”, completou.

Eduardo Braide mostrou todo seu preparo como gestor e parlamentar e, em determinado momento, teve que esclarecer o outro candidato sobre as atribuições da Secretaria de Orçamento Participativo, voltada a trabalhar a gestão compartilhada com a comunidade e não o orçamento da Prefeitura. Também reforçou que estará aberto a desenvolver parcerias com os governos federal e estadual.

O candidato ressaltou ações que constam de seu Plano de Governo e que vão transformar a vida de quem mora em São Luís, como o Escola Nova, Saúde na Escola, Caminho para o Emprego e Cultura o Ano Inteiro. Também confirmou o compromisso de construir uma maternidade na Cidade Operária e de reabrir a Maternidade Nazira Assub, na Zona Rural. Assim, destacou propostas para as áreas de educação, saúde, cultura, mobilidade urbana, infraestrutura, transporte e assistência social.

“Para você ter uma ideia, nós temos um programa do Governo Federal, chamado Tarifa Social, onde a população deixa de pagar a conta de luz. São Luís tem 60 mil pessoas que podem ter direito a receber o benefício, mas que por falta de atualização do CadÚnico não estão recebendo. Nós vamos resolver essa situação a partir do ano que vem”, assegurou Braide.

Acesso a direitos

Braide destacou propostas para melhorar a vida do morador da zona rural, área que vai ganhar uma Subprefeitura a partir do ano que vem. E detalhou a criação da Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência, visando garantir acesso aos diretos desse segmento na capital.

O candidato dedicou sua participação no debate à sua vice, Professora Esmênia, que se recupera em casa do novo coronavírus. Também agradeceu a todos que fizeram dele o vencedor no primeiro turno das eleições e, agora, liderar todas as pesquisas feitas neste segundo turno.

Nenhum comentário:

Postar um comentário