sexta-feira, 15 de maio de 2020

Flávio Dino critica Bolsonaro após demissão de Teich

O governador Flávio Dino (PCdoB) criticou, nas redes sociais, a demissão, nesta sexta-feira (15), do ministro da Saúde, Nelson Teich.
Flávio Dino disse que as instituições precisam julgar os atos de Bolsonaro antes que ele provoque um desgaste em meio ao avanço da pandemia do novo coronavírus no Brasil.
“A confusão que Bolsonaro cria é única no planeta. Espero que as instituições julguem o quanto antes a produção de tantos desastres, entre os quais a demissão de dois ministros da Saúde em meio a uma gigantesca crise sanitária. O Brasil merece uma gestão séria e competente”, disse.
O secretário de Saúde, Carlos Lula também se manifestou: “E no meio da pandemia mais uma vez se perde o comando do Ministério. No meio de uma guerra, estamos trocando os generais. Difícil dar certo desse jeito”.
O ex-ministro Luiz Henrique Mandetta também se manifestou: “Oremos. Força SUS. Ciência. Paciência. Fé!”.
Nelson Teich pediu demissão por conta de desentendimentos com o presidente Jair Bolsonaro durante a semana. Eles discordaram durante a semana de temas como uso da cloroquina e medidas de isolamento.
Foto: Reprodução
Com informações do Zeca Soares 

Nenhum comentário:

Postar um comentário