segunda-feira, 14 de outubro de 2019



VÍDEO! Acusado de assassinar pastor da Assembleia de Deus é hostilizado ao ser preso


O homem acusado de matar o pastor Mackson da Silva Costa, 37, foi hostilizado por populares, na noite de hoje (14), ao ser conduzido para a delegacia após ser preso.
Saulo Pereira Nunes, 38, confessou ter assassinado e enterrado a vítima no quintal da sua própria casa, no Maiobão.
A esposa dele também foi conduzida para esclarecimentos.




























Pastor Mackson havia saído de casa para trabalhar na sexta-feira (11), e não mais retornou. O carro dele foi posteriormente encontrado, no dia seguinte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário