sexta-feira, 6 de setembro de 2019

Motorista assassinado trabalhou com Luis Fernando, Clayton Noleto e Ednaldo Neves


Os bandidos tentaram levar o carro em que Henrique estava e atiraram contra a cabeça da vítima que acabou morrendo no local.
O motorista Luís Henrique Melo de Matos, conhecido como Louro, foi assassinado na tarde desta sexta-feira (06), atualmente prestando serviço para Ednaldo Neves – adjunto da Secretaria de Estado da Comunicação e Assuntos Políticos (Secap), já dirigiu diretamente para dois titulares da Secretaria de Estado de Infraestrutura (SINFRA), Luis Fernando e Clayton Noleto.
Louro levou três tiros quando esperava o irmão de Ednaldo Neves, o empresário Arnaldinho, ao lado de um escritório de advocacia na Rua dos Flamingos, no Calhau – próximo ao Marcus Barbosa Intelligent Office – em São Luís.
Pelo menos dois dos quatro elementos que estavam em um Chevrolet Agile tentaram levar o carro que estava a vítima, um Renault Sandero. A polícia ainda investiga se houve resistência ou algum eventual movimento brusco por parte de Louro.
Testemunhas informaram ao Blog do Domingos Costa que esteve no local, se tratar de uma possível tentativa de assalto em uma rua de pouca circulação de pessoas.
“Dois homens desceram do Agile com armas nas mãos e quando chegaram na porta do Sandero disseram ‘perdeu, perdeu’ em seguida ouvi o barulho dos tiros”, disse uma advogada que pediu para não ser identificada.
Diversas viaturas da Polícia Militar e Civil além de três delegados e investigadores estiveram no local e trabalham para elucidar o crime.

Nenhum comentário:

Postar um comentário